Leitura de livros se tornou algo do passado?

“Historicamente, somos um país analfabeto. E a resposta mais simples, que é um clichê, é dizer que tudo envolve o processo educacional, que no Brasil se mostrou ser um fracasso”.

14
1484
leitura

Pesquisa feita pela Federação do Comércio (Fecomércio) do Rio de Janeiro mostrou que 70% dos brasileiros não fez a leitura de um livro sequer em 2014. O dado é preocupante, pois aumentou muito em relação ao ano anterior. Professores e escritores dizem que a culpa é da falta de investimento nos estudos, pelo processo de alfabetização tardio e pela própria cultura do povo brasileiro.

A alfabetização virou obrigatoriedade em meados de 1930, ou seja, não faz 100 anos. Em países como a Europa a leitura sempre desempenhou um papel importante, aqui no Brasil o papel mais importante é olhar um site de fofocas, olhar o perfil do outro no facebook e desenvolver um papel de “ignorante intelectual”.

O professor de literatura Diego Grando diz que:

“Historicamente, somos um país analfabeto. E a resposta mais simples, que é um clichê, é dizer que tudo envolve o processo educacional, que no Brasil se mostrou ser um fracasso”.

Além disso, o Brasil iniciou tardiamente o processo de escolarização, e isso se deu no início dos anos 1960. Na mesma época o país conhece a Tv e o cinema, que hoje faz com que tenhamos mais interesse em ver uma novela do que fazer a leitura de um jornal ou algo do tipo. A internet por exemplo se tornou o novo “deus” da vida brasileira. Pode se dizer que nem mesmo o Deus que criou os céus e a terra foi tão adorado assim. O pior é que a população se torna rasa, ou seja, terá dificuldades de debater assuntos complexos. É difícil pensar em soluções criativas no dia a dia, ir a fundo a debates éticos, etc. Quem não tem um pensamento crítico, também não argumentos para debater sobre determinados assunto. Desse modo será difícil ter pessoas com espírito crítico em um país de preguiçosos.

14 COMENTÁRIOS

  1. Cultura, simplesmente, estamos da era da informação diluída, rápida e rasa, não há preocupação em se aprofundar em algum assunto. Todos tem opinião sobre tudo, mesmo sem saber do que se trata.

    • Realmente Jefferson, as pessoas preferem ver TV do que ler um livro ou algo do gênero. Não que as TVs não passam informação, mas que isso priva as mesmo de ter o minimo de contato com a leitura.

DEIXE UMA RESPOSTA