PUC-Rio: Games para crianças e jovens autistas

A partir de uma interface atrativa, as crianças aprendem a distinguir objetos como tênis, sapato e chinelo, por exemplo, e, de acordo com as necessidades específicas de cada uma, é possível acrescentar outras palavras.

0
933

Dois alunos do mestrado do Departamento de Informática da PUC-Rio desenvolveram jogos para crianças autistas.

A temática dos dois jogos foi a mesma, mas o assunto semelhante foi pura coincidência.

53036-05-rafael-01

Com o auxílio de fonoaudiólogos, psicólogos e o feedback de mães de algumas crianças, o aluno de mestrado Rafael Cunha criou um game de computador para desenvolver o vocabulário e ajudar no aprendizado de palavras e imagens para crianças autistas de 5 a 9 anos.

A partir de uma interface atrativa, as crianças aprendem a distinguir objetos como tênis, sapato e chinelo, por exemplo, e, de acordo com as necessidades específicas de cada uma, é possível acrescentar outras palavras. O visual é bem infantil, com um esquilo simpático comandando as palavras e imagens.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA